Está aqui

Relatar a viagem do Papa a Portugal em Braille

por Lerparaver

Veio da Polónia, de Cracóvia, para relatar a viagem do Papa. Mas para invisuais

Na sala de imprensa do Porto, um jornalista escrevia de forma diferente. Escrevia em braile sobre o que acabara de acontecer na Avenida dos Aliados. Nos dias anteriores, acompanhara também a viagem do Papa a Portugal, em Fátima e em Lisboa.

O início de conversa com Wladyslaw Stasiow permitiu conhecer este jornalista, há 20 anos: veio da polónia, onde ficou cego durante a segunda Grande Guerra. Tinha 23 anos.

Durante as duas últimas décadas relata na rádio os acontecimentos em que participa, onde se incluem muitas viagens do Papa. Transmite também aos cegos da Polónia os acontecimentos em que participa.

Está em Portugal por causa do Papa. Veio com um grupo amigos, entre os quais alguns jornalistas. “Foi uma experiência muito construtiva, pela reacção dos portugueses tanto em Fátima como aqui no Porto”, referiu.

Fonte: http://www.agencia.ecclesia.pt/cgi-bin/noticia.pl?&id=79675